revista puc minas

Medicina Veterinária Atenção diferenciada aos animais

O Curso de Medicina Veterinária em Poços de Caldas firmou parceria com o Instituto Estadual de Florestas para atendimentos a animais silvestres

Na área de saúde animal, o Curso de Medicina Veterinária nos campi em Betim e em Poços de Caldas conta com estrutura de ponta para atendimento ao público. Na Unidade Praça da liberdade, será inaugurada no ano que vem Clínica Veterinária para atendimento de animais de pequeno porte. São espaços de excelência onde os alunos podem colocar em prática todo o conhecimento que lhes é oferecido, além de beneficiar a população com um serviço de qualidade.

Em Poços de Caldas, o Centro Veterinário realiza procedimentos clínicos e cirúrgicos. Em 2017, foram feitos mais de mil atendimentos e cerca de 150 cirurgias de animais de pequeno e grande portes. Além disso, o Curso de Medicina Veterinária firmou no ano passado parceria com o Instituto Estadual de Florestas (IEF) para atendimentos a animais silvestres, prática que existia informalmente com o Ibama desde 2008. Desde então, animais de diversas espécies como macaco-prego, jacaré, lobo-guará, filhote de onça parda, aves, tamanduá, jaguatirica, gato-do-mato, veado, entre outros, são levados ao Campus pelos bombeiros, guarda verde, polícia ambiental estadual e até mesmo a população. “Nosso diferencial no atendimento a animais selvagens ressalta a importância da conservação ambiental e do médico veterinário nesse tratamento. Também é uma oportunidade para os alunos se desenvolverem na área de atuação que escolheram”, afirmou o professor Flávio Elston, coordenador do Centro Veterinário.

Hugo Fernandes Macedo Ferreira, aluno do 6º período do curso e presidente do Grupo de Estudos de Animais Selvagens (Geas), quer trabalhar com animais selvagens ao se formar e conta que a experiência está sendo enriquecedora: “Somos referência na região e o acesso desde o primeiro período a esse atendimento nos aperfeiçoa como acadêmicos e futuros profissionais. É essencial que tenhamos essa oportunidade”.

Em Betim, o Centro de Estudos em Clínica e Cirurgia de Animais (Cecca) presta atendimento ao público externo com os serviços de vacinação, cirurgias, exames laboratoriais, diagnósticos por imagens, consultas clínicas, oftalmológicas, dermatológicas e ortopédicas, somando cerca de 1,5 mil procedimentos realizados por semestre. Com o objetivo de aperfeiçoar o ensino acadêmico e promover ações para o controle populacional de cães, o Cecca possui, desde 2012, convênios com as ONGs Associação Cão Viver em Defesa de Animais e Sociedade Protetora dos Animais, uma forma de realizar gratuita e semanalmente cirurgias de castração de animais em aulas práticas.

Em 2016, os cursos em Poços de Caldas e em Betim receberam o programa de aperfeiçoamento profissional, a residência, enfatizando o compromisso da Instituição com a qualidade profissional dos médicos veterinários e com as demandas do mercado de trabalho. Para o coordenador do Cecca, professor Rafahel Carvalho de Souza, a excelência do curso se deve ao trabalho e empenho constantes em aproximar o aluno à vivência da prática profissional.

Na Unidade Praça da Liberdade, a Clínica Veterinária será voltada para o atendimento de animais de pequeno porte e contará com consultórios destinados ao atendimento geral e de especialidades médicas como Neurologia, Ortopedia, Oftalmologia, Dermatologia, entre outras.

Texto
Cloe Massa e Lorena Scafutto
Colaboração
Luiza Rocha
Foto
Elisa Erino
Compartilhe
Fale Conosco
+Mais