revista puc minas

Sumário

materia
Especial
Crise de credibilidade dos políticos, alvo de profunda desconfiança da população, torna imprevisível o resultado das eleições 2018
Leia mais

Diálogos

Dom Walmor Oliveira de Azevedo
Grão-chanceler da PUC Minas Arcebispo Metropolitano de Belo Horizonte
Leia mais
Prof. Dom Joaquim Giovani Mol Guimarães
Reitor da PUC Minas
Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Belo Horizonte
Leia mais
materia
Extensão
Professores quilombolas são formados por projeto de extensão da PUC Minas, em escolas do município do Serro, no Vale do Jequitinhonha
Leia mais

materia
Sociedade
Dilemas cotidianos de jovens negros, minoria na elite econômica, são abordados em Pesquisa do Programa de Pós-graduação em Educação
Leia mais

materia
Consumo
Deficientes visuais também se preocupam com a aparência, mostra pesquisa do Programa de Pós-graduação em Administração
Leia mais

materia
Educação Continuada
PUC Minas oferece especialização inédita em equideocultura, em parceria com a Associação Brasileira dos Criadores do Cavalo Mangalarga Marchador
Leia mais
materia
Equoterapia
O desenvolvimento biopsicossocial de pessoas com deficiência e necessidades especiais é foco de projeto em Betim
Leia mais

materia
Direito
Serviço de Assistência Judiciária do Campus Contagem ganha causa sobre multiparentalidade, reconhecida por lei
Leia mais
materia
Graduação
Curso de Medicina será oferecido a partir de 2018 nos campi Contagem e Poços de Caldas
Leia mais

materia
Saúde
Alunos de Fisioterapia reabilitam paciente, com prótese 3D, depois de ter perdido o antebraço em um acidente
Leia mais

Artigos

materia
Carlos Caldas
Uma análise sobre os 500 anos da reforma luterana
Leia mais
materia
Rita Louback
Globalização, cooperação acadêmica internacional e o desafio para as universidades
Leia mais


materia
Memória Viva
PUC Minas é guardiã da memória das Comunidades Eclesiais de Base
Leia mais
materia
Saúde
Saúde bucal é tema de programetes de rádio e TV produzidos pela Odontologia
Leia mais

materia
A Pesquisa e a Pós-graduação na PUC Minas
Leia mais
materia
Educação Física
Prática esportiva é oferecida a crianças e adultos em projeto de extensão
Leia mais

Tecnologia

materia
Tecnologia
Universidade inaugura laboratório de ponta na área de dinâmica veicular, em parceria com a Fiat Chrysler (FCA)
Leia mais
materia
Tecnologia
Professores e alunos desenvolvem kit para cadeira de rodas e prótese para mão amputada, favorecendo a inclusão
Leia mais

materia
Tecnologia
Adoção de plataforma digital favorece a formação profissional nos cursos de Engenharia Aeronáutica e Engenharia Mecânica
Leia mais
materia
Tecnologia
Sistema híbrido, que alia aquecimento solar à microgeração de energia, é desenvolvido por estudante da pós- graduação em Gestão de Resíduos Sólidos
Leia mais


materia
Oportunidade
Reflexões sobre os desafios da informática são estimuladas por projetos de extensão, promovendo a inclusão digital
Leia mais
materia
Educação a distância
Licenciatura em Psicologia capacita graduados na área para lecionarem em cursos profissionalizantes e técnicos
Leia mais

materia
Educação
A execução de projetos para micro, pequenas e grandes empresas é o foco de empresa júnior de estudantes da Unidade Barreiro
Leia mais
materia
Publicação
Jornal-laboratório Marco, um dos principais do país, completa 45 anos atuando no entorno do Campus Coração Eucarístico
Leia mais


nonada

Lições de um mestre

Bartolomeu Campos de Queirós

Leia mais
sumario

Entre a banalidade e a malignidade do mal

Pode-se dizer que o mal, desde a modernidade, se tornou o grande problema da flosofa ocidental. Há uma profunda discussão em Hannah Arendt, sobre a banalidade do mal (ver Eichmann em Jerusalém). Arendt nos mostra que o cometimento do mal pode, mesmo em situações agudas e catastrófcas, resultar de uma irrefexão, de um afastamento da realidade que, por si só, pode causar mais estragos que todos os instintos malignos em conjunto.

Não há como não pensar no mal e na malignidade do mal quando refetimos sobre os rumos que tomou a política brasileira e os efeitos de uma histórica conduta elitista, corrupta e descompromissada com o bem comum. E quando vemos que atores da política desconhecem o sentido da coisa pública, buscam apenas benefícios para si e seus grupos e atuam para manter dezenas de milhões em situação de miséria em proveito de enriquecer os 1% mais ricos é de se perguntar: a política brasileira deve ser pensada pelo viés da banalidade do mal ou da malignidade do mal? Se o mal tem sido entendido como ausência de ética e da própria bondade, ele se manifesta, ao mesmo tempo, como uma pergunta e uma resposta, como pontua Roger Silverstone.

Retomando Arendt, para ela, o pensamento é que pode nos libertar, a todos, dos “perniciosos sonhos da onipotência”. Entender isso é acolher a ideia de que qualquer forma de totalitarismo é uma manifestação do mal e o que ele faz é negar o político. O político, em seu sentido ideal, da res publica. A sensação é de que há décadas vimos legitimando, pelo voto, encenação democrática pífa em suas garantias, um tipo de representação política que, de modo pendular, oscila nos exercícios banal e maligno do mal. Só o pensamento e a consciência, como destaca Arendt, podem nos libertar do mal que, de algum modo, gerações de nós vêm fazendo a nós mesmos.

 

Boa leitura.

 

Prof. Mozahir Salomão Bruck

Secretário de Comunicação